quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019

.: Venom: lista de 11 motivos para ter o DVD na sua coleção

Por Mary Ellen Farias dos Santos*
Em fevereiro de 2019



"Venom" é um personagem Marvel complexo, do tipo ame odiar ou odeie amar, pois jamais o esquecerá. Ainda mais que foi apresentado em "Homem-Aranha 3" (2007) como o antagonista do amado Peter Parker. Em uma produção toda do letal simbionte alienígena, a busca pelo hospedeiro perfeito na Terra, esbarra no jornalista investigativo Eddie Brock (Tom Hardy). Assim, o vilão assume que podemos mudar de ideia no meio do caminho. É a semelhança do total fracasso de Brock que faz com que Venom se funda a ele visando um novo e surpreendente plano. E apesar da figura monstruosa, há pontos admiráveis nele, facilitando amar ser Venom. Confira a lista de motivos para ser Venom e ter o DVD do ser de superpoderes extraordinários, afinal,#WeAreVenom, #NósSomosVenom!



1. O longa é estrelado por Tom Hardy, em parceria com Michelle Williams, ambos já indicados ao Oscar;

2. O DVD tem um descanso de tela de fazer cair o queixo;

3. Ver e rever o embate Venom e Riot que é de tirar o fôlego;

4. Os incríveis efeitos especiais a cada transição entre Eddie Brock e Venom;

5. "Venom" deixa claro que esse foi apenas o começo, quando, nas cenas finais, apresenta o hospedeiro do Carnificina.

6. A desconstrução de um anti-herói que assume, inclusive, uma forma surpreendente, She-Venom;

7. A espiada na pré-visualização, o famoso sneak peek, de "Homem-Aranha: no universo-aranha";

8. As cenas de perseguição do hospedeiro de "Venom" por toda São Francisco no comando de uma moto;

9. Entre os bônus do DVD está o videoclipe "Venom" por Eminem;

10. Ainda é possível deixar Venom tomar conta de você, aqui: wearevenom.com/br;

11. "Venom" foi dirigido por Ruben Fleischer e escrito por Jeff Pinkner& Scott Rosenberg e Kelly Marcel. 



Sinopse: San Francisco, Estados Unidos. Eddie Brock (Tom Hardy) é um jornalista investigativo, que tem um quadro próprio em uma emissora local. Um dia, ele é escalado para entrevistar Carlton Drake (Riz Ahmed), o criador da Fundação Vida, que tem investido bastante em missões espaciais de forma a encontrar possíveis usos medicinais para a humanidade. Após acessar um documento sigiloso enviado à sua namorada, a advogada Anne Weying (Michelle Williams), Brock descobre que Drake tem feito experimentos científicos em humanos. Ele resolve denunciar esta situação durante a entrevista, o que faz com que seja demitido. Seis meses depois, o ainda desempregado Brock é procurado pela dra. Dora Skirth (Jenny Slate) com uma denúncia: Drake estaria usando simbiontes alienígenas em testes com humanos, muitos deles mortos como cobaias.

Direção: Ruben Fleischer
Elenco: Tom Hardy, Michelle Williams, Riz Ahmed
País: EUA
Ano de produção: 2018
Classificação Indicativa: 14 anos


Trailer:

*Mary Ellen Farias dos Santos é criadora e editora do portal cultural Resenhando.com. É formada em Comunicação Social - Jornalismo, pós-graduada em Literatura e licenciada em Letras pela UniSantos - Universidade Católica de Santos. Twitter: @maryellenfsm



← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.