sábado, 31 de julho de 2021

.: "American Horror Stories": estreia com história de amor na Murder House


Por: Mary Ellen Farias dos Santos 

Em julho de 2021


O episódio de estreia do spin-off de "American Horror Story", a nova criação de Ryan Murphy e Brad Falchuk, batizada de "American Horror Stories", levou o público para a "Murder House". Local muito conhecido pelos fãs da série originária, a mansão assombrada, protagonista da primeira temporada de AHS, é mais uma vez cenário de uma história apresentada por completo em 92 minutos. Para tanto, "Rubber(wo)Man" é um  episódio duplo, com abertura própria. 

Nitidamente uma homenagem a série que completa 10 anos em 2021, a nova franquia reapresenta a essência de AHS. Além da mansão e as "criaturas" que ali habitam, até bolinha vermelha que rola pelo chão convidando para uma visita ao porão reaparece. Outra figurinha conhecida em "American Horror Story" que retorna é Matt Bomer.

A história de "AHS: Murder House" se repete, porém com algumas adaptações aos novos personagens. Inicialmente, vertendo sexo e jorrando sangue. Contudo, a trama que trouxe tantos elementos conhecidos da série originária, não passa de uma história de amor juvenil nos tempos atuais. 




Sabendo da morte de famílias inteiras ali, os pais de Scarlett (Sierra McCormick), Michael (Matt Bomer) e Troy (Gavin Creel) mudam-se para o lugar assombrado com o objetivo de transformar a mansão em um hotel e fazer uma grana com isso. Assim vemos em cena a filha de Michael Jackson, Paris Jackson e a de Cindy Crawford, Kaia Gerber.

Como toda adolescente, Scarlett não está nada feliz com a mudança. Seja por estar longe das amizades que mantém, assim como ter de morar em num lugar tão "famoso". Contudo, a jovem ouve de Michael (Matt Bomer) que "fantasmas não existem, maldições não existem" enquanto que o outro pai, Troy, complementa que "as pessoas fazem coisas horríveis com os outros". 


No entanto, é a presença de outro velho conhecido da Murder House, o Rubber Man, quem faz a trama funcionar, atiçando os fetiches sexuais da filha que ainda não se assumiu gay na nova escola. Entre malhos, reforma na mansão, DRs, papos abertos sobre sexo super selvagem e traições é empolgante ter uma nova história contada na primeira temporada da série antológica. 

Seriado: American Horror Stories
Temporada: 1
Episódio 1: "Rubber(wo)Man"
Episódio 2: "Rubber(wo)Man: Part Two"
Exibido em: 15 de julho de 2021, EUA.
Elenco: Matt Bomer, Gavin Creel, Sierra McCormick, Paris Jackson, Belissa Escobedo, Merrin Dungey, Selena Sloan, Ashley Martin Carter, Valerie Loo 


* Mary Ellen é editora do site cultural www.resenhando.com, jornalista, professora e roteirista, além de criadora do www.photonovelas.com.br. Twitter:@maryellenfsm


.: "American Horror Stories" tem "Drive In" apocalíptico lotado de esfomeados

Abertura de "Rubber(wo)Man" e "Rubber(wo)Man: Part Two"










← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comments:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.